Tenha um cérebro saudável

fale com o : pelo | via e-mail

Voltar a Página Anterior


Postado dia 13 de julho de 2015 por


Se você acha que está velho demais para aprender uma nova língua, a dançar ou a tocar um instrumento, melhor rever seus conceitos. Mesmo depois da infância, seja na idade adulta ou na terceira idade, é perfeitamente possível aprender ou desenvolver novas habilidades.

Isso graças à neuroplasticidade ou simplesmente plasticidade cerebral, capacidade que o cérebro tem de remapear as conexões das células nervosas (neurônios). Os pesquisadores da área de neurociência afirmam que por meio de ginástica cerebral, aprendizagem e estímulo mental é possível alterar o cérebro humano.

Uma prova viva de que é possível “reaprender” são as pessoas que passam por acidentes ou por derrames (acidente vascular cerebral) e precisam aprender novamente a andar, falar, escrever, etc. Naturalmente não é todo o tipo de lesão que pode ser tratada, mas atualmente muitos pacientes conseguem, por meio de terapias específicas, recuperar algumas habilidades perdidas.

O segredo para um cérebro saudável

O cérebro precisa de estímulo constante, inclusive usar a mente de forma contínua previne doenças como o Alzheimer. Mas, além disso, a ginástica mental é fundamental para criar novas conexões entre os neurônios. Um exemplo simples é pegar um novo caminho para voltar do trabalho ou comer com a outra mão.

Fica claro, portanto, que exercitar o cérebro é tão importante quanto praticar atividade física. Com pequenas atitudes todos os dias, que são quase como jogos, é possível aumentar a capacidade de se lembrar de coisas pequenas ou grandes, além de fortalecer a sua memória, atenção, concentração e aprendizagem.

Lembre-se: quanto mais você usa seu cérebro, melhor ele fica!

Treine seu cérebro
– Comece lendo uma matéria de um jornal ou revista todos os dias e tente lembrar-se da história, contando-a para alguém depois de um tempo. A base da memória é registrar, reter e recordar.
– Lembre-se do que comeu no almoço durante a última semana
– Antes de dormir, refaça mentalmente todo o seu dia
– De manhã, programe uma atividade para determinada hora do dia, exemplo: Às 10h – passar creme hidratante nas mãos
– Experimente mudar o caminho para o trabalho, a pé ou de carro
– Faça palavras cruzadas: treina o raciocínio, a atenção, a memória e a concentração
– Leia! A leitura é um dos melhores exercícios para o cérebro
– Estude uma nova língua
– Use a outra mão para escrever, comer, escovar os dentes, se trocar, etc.

Dica: Passatempos como sudoku, caça-palavras, jogo da memória, quebra-cabeças, entre outros, são ótimos para exercitar seu cérebro!

Receba novos posts por e-mail:
Powered by follow.it

Está passando por alguma dessas situações ou precisa de ajuda em alguma outra questão?

Fale com o d .

Este é um recurso exclusivo e foi desenvolvido para ajudar você a melhorar sua saúde mental positiva, sua resiliência e o equilíbrio entre sua vida profissional e sua vida pessoal.

Se você sentir que é uma ameaça para si mesmo ou para outra pessoa, entre em contato com o d ou ligue para o telefone de emergência 190 ou para 188 para falar com o CVV – Centro de Valorização da Vida em todo o território brasileiro.