Saiba como cumprir suas promessas para 2017

fale com o : pelo | via e-mail

Voltar a Página Anterior


Postado dia 23 de fevereiro de 2017 por


No Brasil, é comum ouvir que o ano só começa depois do Carnaval tanto para os negócios quanto para os planejamentos pessoais. Por isso, que tal aproveitar os dias do feriado para fazer um balanço geral sobre a sua vida e o que você deseja mudar nos próximos meses?

 

Organizar as finanças, emagrecer, parar de fumar, reformar a casa, encontrar um novo amor. Quais são seus objetivos? E quais você tentou alcançar o ano passado e não conseguiu? Promessas feitas e não cumpridas são problemas comuns, portanto não se sinta mal ou culpado se isso aconteceu com você. Que tal trocar o termo “fracasso” pela palavra “feedback”?

 

Dessa forma, será mais fácil você analisar o que deu errado com sua resolução de ano novo e o que você precisa fazer para ter sucesso em 2017. Muitas promessas feitas no final de ano estão relacionadas com mudanças de comportamento. Isso requer muita força de vontade e comprometimento. Exige ainda que você saia da zona de conforto, ou seja, aquela comodidade aparente de que é melhor ficar como está, pois você já conhece e sabe como funciona.

 

Mas a vida é feita de escolhas, então se você quer realmente mudar algo nela, é preciso se movimentar, escolher, fazer acontecer. Lembre-se que qualquer escolha é melhor que não ter nenhuma. É importante notar que todos nós nascemos com os mesmos recursos, porém não usamos da mesma maneira. Com certeza, você conhece pessoas altamente realizadoras, que cumprem suas metas e são bem-sucedidas. Provavelmente, o comportamento delas está relacionado com coragem, ousadia e muita determinação. Este tipo de pessoa jamais fica na zona de conforto, ela sempre sabe onde quer chegar e como vai fazer isso.

 

Autoconhecimento é o caminho

 

Para ser uma pessoa realizadora é importante ter autoconhecimento. A autoanálise é a premissa básica do processo de crescimento em qualquer âmbito da vida. E quando o assunto é planejamento de ano novo, esse conceito ganha ainda mais força, pois para alcançar seus objetivos e desejos é preciso realizar uma busca interior para descobrir quem você é de fato.

 

A vida moderna, principalmente nos grandes centros, é agitada, corrida, sendo a alegação da falta de tempo unânime entre as pessoas. Entretanto, meditar sobre a vida é tão saudável quanto praticar uma atividade física. O que você está fazendo? Você gosta do que faz? Quais são seus sonhos? Por que está triste? Por que está comendo mais do que deveria?

 

Não use a falta de tempo como desculpa. Aproveite o trânsito, a hora do banho, a caminhada, qualquer momento em que você esteja sozinho e pense sobre a sua vida e suas atitudes. É muito difícil mesmo mudar comportamentos, quando a busca está sempre no exterior. É preciso deixar o que está dentro de você lhe dizer o que é necessário mudar, só assim será um processo efetivo.

 

Programa-se para o sucesso

Depois de refletir e pensar sobre a sua vida e suas escolhas, você estará pronto para fazer uma lista de resoluções para 2017. Esse é o segundo passo para a conscientização da necessidade de mudança. Pense nessa lista como um verdadeiro plano, no qual você vai inserir táticas e estratégias de como chegar lá.

 

Colocar no papel aumenta o foco da atenção e dá importância as suas metas. Quando estiver escrevendo sua lista, seja realista e só coloque metas que dependam, única e exclusivamente, de você. Avalie o que realmente você precisa e lhe será útil. Defina prazos e acompanhe os resultados. Se for preciso, refaça as promessas, reescreva o plano e siga em frente.

Receba novos posts por e-mail:
Powered by follow.it

Está passando por alguma dessas situações ou precisa de ajuda em alguma outra questão?

Fale com o d .

Este é um recurso exclusivo e foi desenvolvido para ajudar você a melhorar sua saúde mental positiva, sua resiliência e o equilíbrio entre sua vida profissional e sua vida pessoal.

Se você sentir que é uma ameaça para si mesmo ou para outra pessoa, entre em contato com o d ou ligue para o telefone de emergência 190 ou para 188 para falar com o CVV – Centro de Valorização da Vida em todo o território brasileiro.